Skip to content

3 dicas para aumentar os resultados de uma propriedade rural

Aumentar os resultados de uma propriedade rural de forma eficiente, prática e econômica é um grande desafio para os fazendeiros, mas que pode ser facilitado com a adoção de um processo eficiente de gestão. 

Por isso, é consenso que a ação mais importante para melhorar os resultados é investir na gestão da atividade. Não importa se a renda vem da pecuária, ou da agricultura, o importante é saber gerir bem o negócio, maximizando a produção e, consequentemente, os lucros.

Para auxiliar o pecuarista, listamos 3 ações gerenciais responsáveis por aumentar os resultados de uma propriedade rural. Confira.

1. Priorização do manejo sanitário

Em uma propriedade, seja ela leiteira ou de corte, ao buscar maximizar a produção, o pecuarista enfrenta diversos desafios sanitários que, se não tratados em tempo, podem causar sérios prejuízos.

Por isso, priorizar o manejo sanitário é parte fundamental para aumentar os resultados de uma propriedade rural.

Assim, para evitar que as doenças comuns aos sistemas de produção causem prejuízos, é fundamental que a propriedade rural adote um eficiente programa de manejo sanitário.

Tal programa consiste, dentre outras ações, na adoção de um calendário sanitário para a propriedade. Neste calendário, estão presentes todas as ações sanitárias a serem realizadas, como vacinações e vermifugações, que, quando bem conduzidas, trarão resultados produtivos para a propriedade rural.

Além disso, o manejo sanitário eficiente deve priorizar, também, a atividade veterinária regular e uma mão de obra apta, visando o bem-estar e a manutenção da saúde dos animais.

Essas ações podem não aumentar os resultados de uma propriedade rural, mas, certamente, impedirão que surpresas indesejáveis ocorram na propriedade e que a lucratividade caia drasticamente.

2. Pessoas também geram resultados de uma propriedade rural

Recentemente, falamos aqui que, no passado a condução das atividades em propriedades rurais, geralmente, era realizada de forma empírica, em que a experiência e a observação do proprietário eram os fatores que guiavam a atividade.

Devido à gestão mais empírica da propriedade, antigamente, não existia muita preocupação com os funcionários responsáveis por fazer o negócio caminhar. Estes não eram consideradas ativos importantes para a fazenda, tendo importância reduzida.

Nos últimos anos, com o avançar da tecnologia, agregado ao processo de profissionalização das atividades rurais, a forma de gerir as pessoas mudou. 

Por isso, atualmente, para aumentar os resultados de uma propriedade rural, é fundamental dar atenção especial aos colaboradores, ou seja, é importante fazer uma eficiente gestão de pessoas. 

Há diversas formas de gerir os colaboradores em uma propriedade rural. Primeiramente, é preciso considerar que todos os funcionários têm desejos e objetivos, e a função do gestor é alinhar tudo isso com os objetivos do negócio.

Em seguida, deve-se motivar e avaliar diariamente o desempenho das pessoas, oferecendo soluções e adequações quando necessário. Também é interessante disponibilizar treinamentos e gratificações, para que o colaborador também tenha seu desenvolvimento pessoal, sempre em busca de aumentar os resultados de uma propriedade rural.

3. Levantamento de dados produtivos

Boa parte dos pecuaristas não consegue resultados de produtividade que expressem a real capacidade da sua propriedade rural, pois simplesmente não realizam o registro de produtividade, nem a coleta de informações da atividade.

E isso configura um erro grave na gestão, porque o lema da administração moderna, sugerido por Peter Drucker é: “Só se pode melhorar aquilo que se mede”.

Transferindo ele lema para a gestão rural, vemos que, se o gestor não “mede” o ganho de peso do rebanho, nunca conseguirá identificar se ele é bom ou ruim, nem definir os gargalos da produção que precisam ser melhorados.

Por isso, informações do rebanho, de custos, faturamento, estoque, ocorrências sanitárias, etc, são vitais para aumentar os resultados de uma propriedade rural.

Além de levantar os dados, é preciso interpretá-los

Somente registrar os dados da atividade não é suficiente, isso porque o registro das informações sem a devida interpretação são somente números, e não trarão o esperado aumento dos resultados.

É por meio da interpretação dos registros que os índices financeiro, zootécnico e produtivo são calculados – estes, sim, indicadores da real situação da propriedade rural.

Por isso, interpretar corretamente o banco de dados é muito importante para aumentar os resultados de uma propriedade rural, pois será por meio da correta interpretação que o gestor identificará seus pontos fortes (que devem ser mantidos) e fracos (que devem ser melhorados).

Neste sentido, o uso da tecnologia, como a adoção de softwares de gestão rural, pode contribuir com a propriedade, que poderá coletar e interpretar os dados de forma mais eficaz, de forma a crescer de maneira sustentável e efetiva.

Independentemente da ação a ser realizada, deve haver o entendimento que alternativas que colaborem com a potencialização dos resultados da fazenda são sempre necessárias. 

Gostou do artigo de hoje? Conte para gente sua opinião e até o próximo post.

Be First to Comment

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *